07/10/09

Maternidade



Os sonhos que em mim pintei
Desbotados pela tristeza
Deixei-os soltos ao vento
E concentrei-me na certeza

De contos em mim talhados
Nas linhas das histórias entoadas
segregadas com ternura
em horas não realizadas

Carinho de mãe não sei
o que foi ter ou receber
Amor de mãe eu sei
que tenho muito para oferecer.


Foto e poema de Maria Escritos

3 comentários:

  1. Que lindo!!

    E eu que ainda quer ser mãe um dia...

    beios

    Sue

    ResponderEliminar
  2. Quando vi esta tua foto no Facebook, pensei...bom... QUERO-A PINTAR, mas tenho que pedir licença para pintar esta "FOTO MATERNIDADE". Será minha segunda obra como tema de MATERNIDADE, mas para isso preciso de tua permissão.
    OBRIGADA

    ResponderEliminar
  3. tens de certeza muito amor para dar e a tua filhota deve ter muito amor teu e dar-te também.
    E tens muita ternura também em ti.Poema cheio de realidade e vivido,acredito que sim.
    Como deve ter sido bom esse momento da maternidade,em que tiveste a tua princesinha.
    A foto é actual e cheia dessa ternura e amor que falas.
    bjs

    ResponderEliminar