05/09/09

Rasga-me a razão


Escuta o pulsar
Deste meu corpo
Que se tinge
No teu lirismo
E se derrama
Na minha pele

Rasga-me a razão
E tolhe-me os sentidos
Acolhe-me na paixão
E na suavidade
Dos teus gemidos


Desnudo-me enquanto
Aguardo por ti
E pelos ensejos delirantes
Do fogo que despertas em mim


Maria Escritos

Foto de Carlos Pereira do Álbum "W"

Sem comentários:

Enviar um comentário