07/07/10

Beijos de mar


O mar enrolou-se nos beijos
Perdendo-se nos abraços
Que o amavam sem pressa.
Os grãos de areia fina,
Alva, pura e nua
Entregaram-se à boca faminta
Que aos poucos lhe roubava a alma.
E a onda que crescera
Para lá do meio do algar,
Cobriu-a com espuma
Perfumou-a de maresia
Enfeitiçou-a para se entregar.


©Paula Moreira/Maria Escritos

1 comentário: